Além dos poderes da União serem três, eles são independentes entre si. Sugere-se aí que os magistrados querem dar a impressão ao povo de que os poderes independentes são poderosos por serem independentes entre si. O texto da lei diz isso claramente e como ponto principal (independência dos poderes). Linhas abaixo, na mesma página, a Constituição Federal desmente a própria lei instantes atrás deferida, pois diz imediatamente em seguida que: O presidente do poder judiciário (III poder) é indicado pelo Presidente da República que é o representante maior do primeiro Poder, o Executivo. Entretanto, sendo esse um texto que não meche em contas públicas fica por vezes esquecido de ser entendido como estupidez.

código 144

Capa e Contracapa

© Sistema Mãe - Cleber Alcasar - Radialista 015728